Postagens com tags polonia
Descobrir a Polonia em uma viagem on the road

A Polônia me surpreendeu! Um Road Trip para descobrir as suas belezas escondidas, a história, as suas dificuldades e sobretudo a sua incrivel natureza.
kms e kms de florestas e centenas de parques por todo o pais. Em Warsavia è possivel passear pela cidade passando de um parque ao outro sem nunca sair dos mesmos. Incrivel.

Ao longo dos séculos, os limites desta terra foram bastante móveis, culpados das muitas guerras que a envolveram. Invasões, partições, revoluções: o povo polaco sempre foi colocado à prova, mostrando uma tenacidade e determinação inigualáveis.

Na hoje deliciosa Danzica começou a segunda guerra mundial e foi tambem aqui que iniciou a caida do sistema do muro de Berlin. A gentileza e a disponibilidade das pessoas faz da Polinia um otimo destino para quem procura relax, historia, boa cozinha e preços abordaveis.
Visitar o Museu da história da população polonês judaica (Em outubro 2018 - Warsavia) é conhecer mais sobre a terrivel história do holocausto, onde foram assassinados 95% da população. Visitar a Polonia deveria ser obrigatório!
Hoje, os habitantes da Polônia se orgulham de se mostrar ao resto da Europa e serem descobertos por visitantes de todo o mundo.
Embora apenas moralmente, a Polônia é um país muito próximo da Itália, graças a um forte vínculo de ajuda mútua. Demonstraçao desta ajuda reciproca è que no hino nacional italiano cita a Polônia (""già il sangue d’Italia e il sangue polacco bevè col cosacco ma il cor le bruciò"), e vice versa (“in marcia, Dąbrowski, dalla terra italiana alla Polonia”), um caso único no mundo!


Poznan
A cidade mais intelectual da Polonia com seus 28 museus, uma opera, uma filarmonica, 9 teatros e 8 cinemas.

Os meus endereços:
Comer:
Carne /Hamburguer - Restaurante/bar Wiskyey in the jar - os drinks sao fantasticos e carne superba.
Soupa de beterraba e Pierogi (raviolo polones) Altana Pałacu Wąsowo no Poznan City Center - Shopping center da cidade com tantas obras de arte contemporaneas.
Cerveja - https://brovaria.pl/beer
Croissant de Sao Martinho

Visitar:
Praça do Mercado (Stary Rynek - uma praça de quase 141m) da qual começam doze ruas, é cercada por pequenos edifícios dos séculos XVI e XVII, alguns incluem galerias e arcadas que já abrigaram as bancas comerciais.
Meu conselho è ficar alguma horas nesta praça e sentir a sua beleza sentada em um dos 30 bares e restaurantes localizados nesta praça de magnifca beleza.


O Edificio do Municipio de Poznan (Ratusz Poznanski) construido pelo arquiteto Giovanni Battista di Quadro, de Lugano em 1555, e somente a sua beleza ja vale a vista, em um ritual hejnał (a "chamada de reunião") todos os dias ao meio-dia duas cabras mecanicas saem de uma janela da torre do edificio, durante o desempenho da melodia, dando-se chifradas, por 12 vezes.


Stary Browar (antiga cervejaria) - centro artístico e comercial que fica nos edifícios originais restaurados da cervejaria do século 19 (via Półwiejska, 42).


Museu do croissant O croissant de Sao Martinho è a delicia principal das comemorações do dia do Santo – 11 de novembro (data em que é celebrado também na Polônia o Dia Nacional da Independência). Visitar o museu è poder conhecer a historia e a sua lenda, mas tambem aprender a cozinhar-lo (colocando a mao na massa :-)).

O croissant de São Martinho é feito com massa semi-folhada e o recheio é composto de uma pasta feita de sementes brancas de papoula, açúcar, pedacinhos de pão-de-ló, ovos, margarina, nozes, uvas passas, pedacinhos de frutas secas (cereja, pêra, cascas de laranja) e aroma de amêndoas. A massa deve ser enrolada de modo a lembrar o formato de uma ferradura (em homenagem à lenda do Santo, na qual seu cavalo perde a ferradura). Decorar com glacê e pedacinhos de amêndoas.
Conselho, melhor reservar a visita pois sao divididas em lingua ingles e polaco.

MURAL 3D - vale a pena sair do centro da cidade para apreciar esta beleza artistica. Śródka é um bairro histórico da cidade de Poznan, no oeste da Polônia, e o mural foi criado para lembrar quando o assentamento obteve seus "direitos de cidade" em 1231. O bairro foi incorporado à cidade de Poznań em 1800. O nome de Śródka deriva da palavra polonesa środa, "quarta-feira", do mercado que foi mantido lá naquele dia da semana.

Dormir:
Hampton by Hilton Poznan Old Town - perto da centro antigo da cidade.
City Park Hotel Residence - longe do centro, mas com um Uber o um Patinete eletrico voce chega ao centro em poucos minutos.


Sopot
O Monte Carlo da Polonia

Visitar:
O Pier desta pequena localidade balnearia no mar Baltico, realizado em madeira è o maior da Europa e foi gradualmente ampliado e alongado. Hoje tem um comprimento de cerca de 600 metros. Passear em suas tábuas varridas pelo vento e embaladas pelo som do mar é realmente terapêutico.
O passeio no Pier è a pagamento (modo de garantir a sua manutençao e viabilidade). Quando se ultrapassa a entrada do pier, passeios em lanchas, naves de “piratas” e catamarano sao uma otima alternativa para quem procura aventura.

Comer: Otima cozinha japonese . E’ uma cidade de veraneio e o que nao faltam sao restaurante e bares.
Na praia os restaurantinhos sao tambem uma otima escolha para comer peixe fresco.

Dormir: Um angulo delicioso para permanecer alguns dias no relax ao ritmo lento desta pequena localidade balnearia do mar Baltico.


Parco Nazional Slowinski:
As maiores dunas de areia da Europa

O Parque protege o que é considerado a parte mais sugestiva da costa sul do Báltico, com as maiores dunas de areia da Europa sopradas pelo vento. Para preservar de maneira mais efetiva os diferentes ambientes, flora e fauna do Parque, foram criadas 15 reservas estritamente reguladas, abrangendo uma área total de 6.650 hectares.
A vegetação ha 830 espécies, representativas de diferentes habitats e elementos geográficos. 30% das espécies presentes são consideradas raras e 50 delas, incluindo orquídeas, são protegidas. Cerca de 50 associações de plantas vivem no Parque, 10 das quais não são encontradas em nenhum outro lugar na Polônia.

O Muzeum Przyrodnicze (Museu de História Natural) de Smoldzino representa praticamente o centro de visitantes do Parque, que tem sua sede neste país, onde informações sobre a área podem ser coletadas.
Em Smoldzino, na colina de Rwokòl, uma torre panorâmica com um museu de história natural nas proximidades para apreciar melhor uma parte desta maravilha.
Eu me apaixonei e espero de voltar para ficar mais dias a explorar esta natureza fantastica.


Danzica - Gdansk
A romantica e vibrante cidade, capital da pedra Ambar

Hoje Gdansk é de fato uma cidade que traz as marcas de sua conturbada história, mas é também uma cidade com um olhar resoluto para o futuro, é uma cidade vibrante e dinâmica, cheia de atrações e entretenimento. Você pode ver locais de construção em todos os lugares e a emoção é palpável (como está acontecendo em toda a Polônia depois de tudo ...). Muitas obras de arte e arquitetura contemporânea, para não mencionar museus de vanguarda e restaurantes gourmet que não têm nada a invejar aos de outras capitais europeias.

Comer:
Delicioso restaurante perto da catedral da cidade. A musica, o menu, o serviço e o ambiente tudo perfeitamente equilibrado. Pranzo delicioso.
Dormir:
Este hotel è em uma boa posiçao , decoraçao simples e discreta. Uma soluçao perfeita para uma noite. com Estacionamento
O Hotel Number One è com piscina, quarto arredato modernamente e con gusto, a sua localizaçao è a melhor, para explorar a cidade sem se preocupar com estacionamento e carro.

Visitar:
Museu da II Guerra Mundial - é o maior museu histórico polonês. Encontra-se em uma estrutura subterrânea de grande inspiraçao. No site tem uma lista de guias disponiveis (lingua espanhol/ingles/frances/italiano).
Crianças atè 12 anos recebem um percurso diferente dos adultos a causa do delicado tema que è a guerra.
Conselho reservar a visita.

Catedral de Santa Maria - os interiores são brancos, isso por causa dos protestantes que no passado assumiram o controle das igrejas da cidade e, não reconhecendo os santos e muitas figuras do catolicismo, preferiram cobrir todos os afrescos com tinta branca. E’ possivel subir na torre (a pagamento) e apreciar toda a cidade da Gandisk do alto.

Museo de pedras Ambar Gdansk é a capital mundial do âmbar, e se vc è um apaixonado por estas pedras nao vao faltar oportunidades para comprar-las.
Ulica Mariacka, a rua mais caracteristica de toda a cidade, uma pequena e curta rua de paralelepípedos com casas em estile elisabetianos.

Se vc è um amante da Street Art uma visita no bairro Murale Gdansk Zaspa - Pilotow 10, Danzica 80-460, sao mais de 60 espalhados por este bairro popular.
Descendo na parada de trem Zaspa da ferrovia urbana SKM e caminha em direçao ulica Pilotow e se pode iniciar a apreciar o espetaculos de cores e diferentes motivos seja social que por beleza. As visitas guiadas acontecem apenas durante os meses de verão ( realizadas pelos moradores do bairro). Localizados em torno de um parque, é um lugar muito relaxante para passear.
Foram os grafites a salvar este bairro da miseria e de muitos problemas sociais depois da crise dos anos 80. O artista Rafat Roskowinki organizou o primeiro festival de street art em 1997 para festejar a cidade e hoje tornou-se uma das metas preferidas de artistas e amantes de arte.

Reserve o teu tour Cultural Information Point - Długi Targ 39/40, Seg-Sex, 10.00 - 18.00; Sab-Dom, 12.00 – 16.00, email: kontakt@ikm.gda.pl, phone: +48 58 3012016


O Mercadinho de produtos tipicos, bijouterias, roupas, acessorios, arte è uma delicia e acontece pelas ruas no centro da cidade e em volta do rio Motława.

Hala Tragowa, Plac Dominikański 1 , mercado coperto de Gandisk. Edificio em estilo gotico, vale a pena um giro para apreciar a estrutura.

Caminhar pela ruas da calma Gdansk com vista para as margens do rio Motława apreciando os edifícios nórdicos característicos com telhado ponteagudos, fielmente reconstruído após a guerra è a verdadeira beleza.



Wladyslawowo
Relax para conhecer um dos cantos da terra da Polonia.

Wladyslawowo é bastante pequeno, com uma área total de 38 km2 e uma população de 14.782 habitantes.

A cidade está localizada na base da Península de Hel e possui 23 quilômetros de belas praias arenosas. Para quem ama a natureza e a tranquilidade e porque nao o esporte Kitesurf.

Esta pequena extensão de terra é o ponto mais setentrional da Polónia e um paraíso para o kitesurf com praias escondidas, belos parques nacionais e natureza intocada para desfrutar. A península pode ser alcançada por uma curta viagem de barco a partir de Sopot ou de carro a partir de Gdansk (viemos de carro), ao longo da estrada estreita, com uma bela vista do oceano de ambos os lados.

Dormir:
Relax com piscina, jacuzzi, restaurante e ate parede para escalar dentro do hotel. Excelente hotel
Otimo para quem viaja com familia e crianças.

A Polonia è bellissima e espero de voltar logo!
Arrivederci!