Postagens com tags queijos
O outono na Italia entre Trufas, Queijos e Vinhos.

O outono, com suas cores que vão do ouro aos tons mais escuros de vermelho, oferece cenários e contrastes únicos. E se você é sensível ao encanto da folhagem (foliage), este é o melhor momento para procurar as paisagens mais espetaculares pelas terras das Langhe, Roero e Monferrato.

As Verdes Colinas do Monferrato pintadas de ouro do sol quando chega o outono

As Verdes Colinas do Monferrato pintadas de ouro do sol quando chega o outono


Este fenomeno da natureza, chamado “Foliage” provem da mistura da palavra “fall” (palavra em ingles che signifca cair ) e da palavra feuillage em frances com o mesmo significado para definir as folhas de outono que caem. É um período que, em alguns locais geográficos como Estados Unidos e Canadá, tem implicações muito fortes do ponto de vista da paisagem: as cores mudam a tal ponto que transformam radicalmente o aspecto do contexto natural.

Junto as cores quentes que o outono nos presenteia por estas Verdes Colinas, chega o maravilhoso ”Tartufo Bianco”. No mes de outubro inicia à caça ao tartufo bianco (trufa branca). Esta iguaria rara e unica que cresce em simbiose com certos tipos de arvores, a causa do clima umido que pelas manhas de outubro e novembro somos acolhidos fazem deste territorio um dos melhores habitat para o crescimento deste tubero.
As melhores festas do “tartufo bianco” entre Langa e Monferrato:

Tartufo Bianco- Trufa Branca - E’ um tubero que cresce em simbiose com certo tipos de arvores.

Tartufo Bianco- Trufa Branca - E’ um tubero que cresce em simbiose com certo tipos de arvores.

Antes da chegada do “Tartufo Bianco”, no mes de setembro no Piemonte, o trabalho è intenso com a vindima. Entao porque nao acrescentar um dia pelos vinhedos contribuindo com a Vindima? Na seçao eventos de Verdes Colinas todas as Vinicolas Italianas onde poder partecipar deste importante momento do vinho.
Conhecer e viver uma dia entre os vinhedos è um otimo meio para descobrir os varios tipos de uvas nativas, o terreno, o sol, o vento, a posiçao das plantas e aprender como toda esta combinaçao contribui e varia na produçao dos vinhos.

Caminhar pelos vinhedos, fazer a colheita, partecipar dos esmagamento das uvas, somente para divertir-se, compartilhar um almoço tipico piemontese, degustar vinhos, onde minutos antes foi possivel tocar as suas videiras è viver uma rica e autentica experiencia.

A “pigiatura” o esmagamento das uvas nas colinas do Monferrato, Piemonte, Italia

A “pigiatura” o esmagamento das uvas nas colinas do Monferrato, Piemonte, Italia

E quando falamos de vinhos, me vem em mente imediatamente o seu parceiro melhor: o quejo!
Neste fim de semana de setembro aconteceu o Festival Cheese na cidade de Bra, provincia de Cuneo. E’ um momento esperado e desejado para os amantes de queijo, como eu. A feira acontece a cada dois anos alternando-se com o Salone del Gusto que acontece na cidade de Torino.
Pelas ruas, nas praças, nos quintais da cidade de Bra tudo gira em volta do queijo. Em quatro dias o mundo de alimentos de qualidade se concentram nesta pequena cidade Barroca do Piemonte.
Encontros, curso, eventos, livros, e muitas oportunidades para descobrir sobre as especialidades e iguarias de cd Regiao italiana, europeia e mundial.

Os meus endereço na cidade Bra:

  • Restaurante. Desde 1919 era frequentado por atrizes e cantores italianos famosos.
    http://www.ristorantebattaglino.it/

  • Caffe Converso - Nasce no ano 1838 e faz parte de um dos bares historicos da Italia
    A especialidade da confeitaria Converso é Salot, uma sobremesa típica da província de Cuneo,
    em especifico da cidade, uma massa de brioche recheado com geléia de damasco, cidra cristalizada e sultanas, feito para o dia da epifania, 6 de janeiro.

  • Vontade de Pizza? https://480gradi.it/

    Uma jornada perfeita para quem procura novos sabores, novas experiencias, novas paisagens em uma unica viagem.